Publicado por: @juba7 | agosto 5, 2017

Ano sabático e novos rumos na vida profissional

escritorio praia

Antes de me mudar para Ásia e tirar um ano sabático, planejei o escape por quatro anos. Fiz o famigerado pé de meia focando em deixar o país. Com a grana na mão, era hora de novos desafios. Queria me envolver em outros projetos e voltar a estudar.

No Brasil, sempre tive empregos no formato “tradicional”. Aqueles de carteira assinada em que você precisa bater o ponto, tem local e horário fixos, com direito a plano de saúde e tudo mais o que nossos pais sempre sonharam pra gente. E eu era feliz assim. Porém, comecei a me questionar se não existiam outras formas de trabalhar que não fosse no esquema de 11 meses por ano com jornadas de mais de 40 horas semanais.

Eu já havia lido alguns posts sobre nômades digitais e, apesar de ter bastante intimidade com diversas plataformas de internet, tive minha formação baseada numa ementa antiga da faculdade de jornalismo. Acabei seguindo a carreira que se esperava desses profissionais, trabalhando em TV, jornal e assessoria de imprensa. Talvez por isso eu não acreditasse que produzir conteúdo para mídias digitais pudesse me trazer retorno financeiro.

Foi então que minha amiga Abbie, dona de uma escola de surf na Indonésia, me pediu ajuda para escrever textos para o site da empresa dela. Ela queria oferecer dicas de praias para surfistas iniciantes. Eu moro em Bali há mais de dois anos e prontamente me dispus a fazer o trabalho. Abbie ainda me perguntou se eu dominava técnicas de SEO. Nessa hora percebi como eu estava desatualizada profissionalmente.

DESCOBRINDO O MARKETING DIGITAL

Comecei a procurar cursos a distância sobre SEO, mas eu mal sabia o que a sigla queria dizer. Fiquei animada porque encontrei muito material gratuito, mas logo percebi que eram apenas pedaços de conteúdos de um curso maior. Depois de fazer vários cadastros para baixar PDFs, recebi dezenas de e-mails mensais e participei de longos webinares que só tentavam vender cursos ou produtos. Eu não estava evoluindo nos meus estudos. Cometei meu desânimo com um amigo que me deu a dica do Nanodegree em Marketing Digital da Udacity. As inscrições estavam abertas e o parcelamento do valor caiu bem no meu orçamento.

Eu me tornei aluna da Udacity em julho de 2017. Desde então, estou me aperfeiçoando nas técnicas de produção de conteúdo e aprendendo mais sobre propagação do material produzido, análise dos dados, entre outras novidades. E ainda há muito conteúdo para absorver nos próximos meses! Só que a Abbie tinha pressa em lançar o website e contratou uma outra pessoa na área de marketing digital.

Porém, por eu ter atualizado meu perfil nas redes sociais, muitas conhecidos estão me perguntando se eu trabalho nessa área. Explico que estou finalizando um curso. Nesse momento tenho dois possíveis clientes engatilhados para trabalhar a partir de outubro de 2017. Essa é a prova de que posso continuar trabalhando como jornalista, fazendo comunicação, produzindo conteúdo e ainda ter a flexibilidade de horários e mobilidade para morar e trabalhar onde e a hora que eu quiser. Hoje posso dizer a tão sonhada frase “meu escritório é na praia”. Até quando isso vai durar, não sei. A  inquietação é o que me move. Ao menos tenho a certeza de que é isso que estou buscando nesse momento: trabalhar pertinho do mar.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: