Publicado por: @juba7 | fevereiro 1, 2010

Coisas que não me acostumo

Sempre quando viajo para fora de minha cidade tento incorporar alguns hábitos locais mas, aqui na Europa, a verdade é que não consigo me adaptar à alguns costumes. Por exemplo, assoar o nariz fazendo um estrondoso barulho. E eles assoam em qualquer lugar! Na fila do buffet ou mesmo à mesa enquanto comemos. Não tenho muita frescura mas acho bem desagradável.

Outro fato cultural que está difícil de me adaptar é jogar o papel higiênico direto no vaso. Sempre acho que vai entupir. Alguns locais têm duas descargas para apertar, uma com quatro litros de água e outra de nove. Acho a iniciativa interessante e ecologicamente correta, não fosse a de quatro litros não levar o dito papel higiênico para o esgoto. Divido o banheiro com uma menina de Valência e quando ela usa, às vezes, fica ali um amontoado, uma sopa de papel e água da privada. Fora que tenho que jogar o fio dental e cotonetes no lixeirinho do meu quarto que seria destinado apenas a lixo de escritório.

Anúncios

Responses

  1. Para não ouvir o barulho desagradável, enfie seus dois dedos indicadores nos buracos de seus ouvidos. Ora, me poupe né. Eainda dizem que internet é cultura…

  2. Legal, Jordackson. Vou tentar seguir o seu conselho. é que nao é sempre que dà tempo de tampar, sabe como que é que é… Agora, se vc acha que, por conta do meu texto, a internet nao é cultura, me sinto no direito de também te aconselhar: saia da frente do computador, và à banca mais pròxima e compre a Veja.
    Boa leitura

  3. Para mim, realmente foi um problema me acostumar com a ausência de lixeiras nos banheiros!
    mas há outras coisas na Eurpoa com as quais a gente se acostuma rapidamente, não é?
    A grande quantidade de bares interessantíssimos, o transporte público (alguns tem até calefação), as paisagens, a história, o horário de trabalho – que as vezes nao chega a seis horas….

  4. Verdade, mas não posso reclamar da minha vida no Brasil. Gosto dos bares de esquina tipo boteco/sinuca que só tem aqui, do choppe leve e do bolinho de siri. Admirino a eficiência e limpeza dos metrôs paulistanos – alguns com ar condicionado (já os trens estão abandonados). Amo as paisagens predominantemente verdes que temos e confesso que minha jornada de trabalho como jornalista não passa de seis horas por dia também. Mas nada como caminhar em ruínas com 2 mil anos. Isso me encanta sempre!
    :)

  5. Feio o comentário do Jordackson, que desdenha de outras culturas. Imagine quão asqueroso deve parecer para um europeu ter os dejetos lhe “fazendo companhia” em uma lixeira do banheiro brasileiro em vez de poder mandá-los embora pela descarga. Como a blogueira, eu também estranho algumas coisas, mas é sempre importante lembrar que nossos costumes podem parecer tão repulsivos aos outros como os outros eventualmente nos parecem.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: